Ir para conteúdo

RESULTADO FINAL DA SELEÇÃO DA REVISTA RUAS E ENCRUZILHADAS: RESISTEM!


Por IDMJR

A Iniciativa Direito a Memória e Justiça Racial em parceria com o Movimento Independente Mães de Maio e o Instituto de Defesa da População Negra divulga hoje, 21 de fevereiro de 2022, o resultado final das produções classificadas para a Revista Ruas e Encruzilhada: Resistem!

Destacamos a diversidade de epistemologias que farão parte desta revista, cumprindo com o objetivo proposto pelas instituições que a organizam, reafirmando o conhecimento oriundo dos becos, das vielas, das ruas e encruzilhadas.

Além dos textos, poesias, artigos, , crônicas e fotografias sobre abolição das polícias e prisões enviadas de todas as regiões do Brasil, observamos a valorização de escritas coletivas e a várias mãos, rompendo com a lógica da universidade de produções individuais e métodos que reforçam a subalternização.

A seleção

A Revista será uma construção colaborativa onde optamos preferencialmente por  acolher produções dos movimentos sociais e coletivos, assinadas por vários autores(as). Também abrimos espaços para indivíduos, estudantes, gente das universidades. Todas as produções selecionadas dialogam direta ou indiretamente com o tema de abolição das polícias e prisões.

O prazo para submissão das propostas teve duração de 02 meses. Lançado no dia 01/12/2021 com prazo inicial para encerramento de inscrições até 20/01/2022, e prorrogado até o dia 30/01/2022.

A Comissão Julgadora foi composta pela Iniciativa Direito a Memória e Justiça Racial, o Movimento Independente Mães de Maio , o Instituto de Defesa da População Negra e Juliana Muniz, Dina Alves, Glaucia Marinho e Luiz Baltar.

As autoras e autores classificados receberão comunicado da equipe organizadora.


Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: