Ir para conteúdo

CHACINA EM MIGUEL COUTO DURANTE A QUARENTENA DO COVID-19


Por Equipe IDMJR

Acabamos de receber informações que no final da noite de 23 de abril, dia de São Jorge para os católicos ou Ogum para os de Axé, mais uma Chacina acaba de acontecer na Baixada Fluminense-RJ.

Informações relatam que homens passaram e atiraram para dentro de uma padaria no Parque Samá no bairro da Grama em Miguel Couto – Nova Iguaçu executando 3 pessoas e deixando vários feridos no local.

Essas mortes são resultados da política de segurança pública da Milicialização que o Estado promove. Esse território é mais um da Baixada Fluminense que vive a disputa entre as milícias e outras facções de tráfico. Ressalta-se que essa região vivenciou ao longo da semana uma operação do 20°BPM que registrou a morte de uma pessoa também.

O Estado é o maior responsável por essa Chacina em Miguel Couto ao adotar as Milícias como política de segurança pública. A IDMJR vem relatando paulatinamente que o avanço da pandemia de Covid-19 em territórios de favelas e periferias não impedem que as operações policiais que exterminam a juventude negra continuem acontecendo.

Mesmo em tempos de quarentena, o braço armado do Estado promove o genocídio letal da população negra, pobre, favelada e periférica.

Por isso, a IDMJR reuniu informações das operações policias e atuação das milícias na Baixada durante o período de isolamento social no Boletim Especial sobre Covid-19 e as Milícias na Baixada Fluminense. O Boletim Especial da IDMJR já está disponível para acesso. Confira aqui!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: