Ir para conteúdo

TagGenocídio

MURO DA EMILY E DA REBECCA: MEMORIAL, LUTA E RESISTÊNCIA CONTRA O GENOCÍDIO DE CRIANÇAS NEGRAS

O memorial surge como um alento para essa comunidade no bairro do Pantanal em Duque de Caxias. Ter o rosto das meninas em uma via pública, de amplo movimento é um constante grito de denúncia e uma forma de identificar que a vida da Emily e da Rebecca foi violentamente retirada pelo Estado, na execução da ação policial, e que essa tragédia não pode ser tratada apenas como mais um caso.