Ir para conteúdo

TagEstado

É POSSÍVEL O FIM DA POLÍCIA?

Devido aos debates acumulados anteriormente, entendemos que a Polícia não faz parte da classe trabalhadora. Haja vista, em uma sociedade capitalista é impensável a inexistência da polícia, justamente porque é a instituição que possui a função social de ser o braço armado do Estado para garantir o direito inviolável da propriedade privada e a manutenção da ordem burguesa. Logo, garantindo ao capital a continuidade da expropriação baseada no racismo, no patriarcado e na subjugação de povos.

ENTREVISTA COM IBIS PEREIRA: POLICIAL É CLASSE TRABALHADORA?

O Estado que formula e estrutura essas opressões atua por meio de instituições, sendo uma delas a própria Polícia, que sob o véu da ação da Segurança Pública promove barbáries cotidianas. Porém, nesse mesmo cenário figura a pergunta: Policial é classe trabalhadora?
A Iniciativa Direito à Memória e Justiça Racial, entrevistou o ex- comandante da PMERJ IBIS PEREIRA, que apresentou sua perspectiva sobre essa reflexão. 

LIVE DA IDMJR: ADPF 635 – OPERAÇÕES POLICIAIS NA BAIXADA FLUMINENSE

A Iniciativa Direito à Memória e Justiça Racial – IDMJR vem propor uma Live para discutirmos a ADPF 635 que foi ajuizada em novembro de 2019 no Supremo Tribunal Federal, que questiona a política de segurança pública genocida realizada pelo Estado do Rio de Janeiro. E também vamos contar com o Pré-Lançamento do Boletim Especial sobre Covid-19 e as Milícias na Baixada Fluminense. Uma análise da operações policiais e atuação das milícias na Baixada durante o período de isolamento social.